terça-feira, 6 de abril de 2010

Faltam 3 jogos para o tetra

Antigo simbolo do Barcelona

Depois de bombardear o Arsenal com 4 tiros do argentino Messi, o Barça tem a chance de fazer história e vencer a Champions League na casa do seu maior rival, o Real Madrid, no Santiago Bernabeu, algo nunca visto na Champions League, apesar de poucos casos parecidos, como veremos.

Com os quatro gols marcados hoje, Lionel chegou a oito e passou Cristiano Ronaldo, o luso fez sete na liga. Madrid e seus torcedores já começam a ter pesadelos com a pulga e seus amigos fazendo festa na capital espanhola. Vale lembrar que os dois times ainda se enfrentam pelo espanhol, na luta pelo título.

Depois de vencer a LC em 1956/1957, o Real viu seu estádio virar palco para times estrangeiros na Champions League. Em 1979/1980 o Bernabeu viu os alemães do Hamburgo serem derrotados pelos ingleses do Nottingham Forest por 1 a 0. Em 1968/1969 o Milan venceu o Ajax por 4 a 1.

Em algumas ocasiões como em 1996/1997 o Dortmund venceu a Juventus em Munique, Juventus que no ano anterior levou a LC em Roma. Liverpool e Manchester venceram em Londres e o Ajax em Roterdã. Mas nada comparável a rivalidade entre Real e Barça. Madrid e Catalunha.

A campanha dos blaugranas mostra que é um time que sabe jogar a LC. Bobeou quando podia, na fase de grupos e mesmo assim terminou em primeiro. Nas eliminatórias empate fora e goleada em casa contra Stuttgart e Arsenal. O próximo adversário é a Inter de Milão, mesmo rival da estreia. Na fase de grupos, um empate sem gols em Milão e vitória por 2 a 0 no Camp Nou.

No caminho para o tetra, restam 3 jogos. A possibilidade de repetir a final de 2009 é grande. Já que amanhã o Manchester enfrenta o Bayern e precisa de uma vitória simples para avançar. E caso passe, os Red Devils que também tentam o tetra, não devem ter dificuldades contra o Lyon ou Bordeaux. Pode ser a primeira vez na história que a final do ano anterior se repita. E mais, caso o Manchester avance, será a sexta vez seguida que um clube inglês chega a final, desde 2004/2005. A terceira dos Diabos vermelhos nos últimos três anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário