domingo, 2 de maio de 2010

Sem rumo Liverpool deve ter mudanças após a Copa.

60332318

Após mais uma temporada de contestações da torcida contra o elenco, a comissão técnica e os donos do clube, os Reds devem sofrer uma reformulação para a próxima temporada. Hoje em Anfield Road a derrota por 2 a 0 para o lider e virtual campeão Chelsea mostrou a fragilidade do time.

Sempre que se fala em reformulação imagina-se que o elenco é fraco, não é o caso desse time do Liverpool. Basta analisar os jogadores e ver que no papel a equipe teria condições de ir mais longe na Champions League e na Premier League. O problema é que essa equipe não rendeu o esperado.

Na base titular, Glen Johnson e Gerrard são titulares na seleção inglesa, Agger e Kyrgiakos lideram as defesas de Dinamarca e Grécia, além de Fábio Aurélio e Lucas que já foram chamados por Dunga. No meio campo a dupla argentina Maxi Rodriguez e Mascherano, além do recém chegado Aquilani. O ataque é formado pelo goleador Torres e pelos holandêses Kuyt e Babel.player_alonso

A perda de jogadores como Xavi Alonso e Álvaro Arbeloa para o Real  Madrid foram sentidas pelos Reds. Seria o começo da debandada espanhola? Desde que chegou ao clube o treinador trouxe 14 espanhóis, seis em sua primeira temporada.

GYI0000531890.jpg O fato é que a eliminação na primeira fase da Champions League e o até aqui sexto lugar na Premier League deve mexer com o clube. Rafa Benítez chegou ao Anfield em 2004 e de lá pra cá conquistou a quinta Champions League da história do clube, uma Supercopa Européia, uma Copa da Inglaterra e uma Supercopa da Inglaterra.

O trabalho de Benítez é contestado, fora da próxima Champions League, e longe da Uefa League, seus dias em Anfield devem chegar ao fim no próximo domingo às 11h contra o quase rebaixado Hull City.

kop_block_104

Nenhum comentário:

Postar um comentário