sábado, 24 de julho de 2010

Mano é seleção

Pela terceira vez em um período de 11 anos o Corinthians perde seu treinador para a seleção brasileira. Em 1998 Luxemburgo ganhou o Brasileiro e assumiu o cargo. Em 2003 Parreira voltou a seleção após ganhar a Copa do Brasil de 2002 e ser vice do Brasileirão.

Após a recusa do Fluminense em liberar Muricy Ramalho, Ricardo Teixeira convidou Mano Menezes para comandar a seleção que já disputará amistoso no começo de agosto.

O treinador nascido no dia 11 de junho de 1962 em Passo do Sobrado, Rio Grande do Sul, começou a carreira em 1992 com times gaúchos. Em 2002 ele ganhou o primeiro título, o Gaúcho com o Guarani. O campeonato no entanto, não contava com os quatro garndes, Grêmio, Inter, Caxias e Juventude.

Após passagem pelo Iraty do Paraná, em 2004 Mano ganhou destaque nacional ao levar o desconhecido XV de Novembro às semifinais da Copa do Brasil. A campanha chamou a atenção do Caxias que o contratou.

Do Caxias ele foi para o Grêmio e teve a missão de tirar o clube da série B. O êxito foi completo com o título da competição e o retorno do clube à série A. Em 2006 ele ganhou novamente o Gaúcho, desta vez com todos os clubes. No mesmo ano Mano levou o tricolor ao terceiro lugar do Brasileirão e garantiu vaga na Libertadores.

Em 2007 Mano ganhou o bi Gaúcho e levou o Grêmio ao vice da principal competição sul-americana, a Libertadores. Na final os gaúchos foram derrotados pelo Papa Taças, o Boca.

No fim de 2007 Mano trocou o Grêmio pelo Corinthians, que tinha sido rebaixado após empate com o tricolor gaúcho de Mano. Outra vez o técnico tinha o desafio de tirar um grande clube da segunda divisão.

E Mano Menezes não decepcionou a fiel torcida, foi vice da Copa do Brasil 2008 e campeão com sobras da série B.

Entretanto foi 2009 o ano mais vitorioso do treinador. No Paulista ele levou o clube ao título de forma invicta e ganhou pela primeira vez a Copa do Brasil, garantindo vaga na Libertadores.

Este ano Mano não conseguiu fazer o Timão realizar o sonho de ganhar a Libertadores e foi eliminado na primeira fase do Paulista. No Brasileirão liderou durante nove jogos até perder a liderança na última rodada. Agora Mano comanda o time contra o Guarani e assume a seleção.

Um comentário:

  1. Cara ficou muito legal esse novo layout, ficou com cara de site de notícias! Não torço para o Brasil, mas gosto muito do Mano, uma grande perda para o Corinthians!

    Abs

    ResponderExcluir