terça-feira, 24 de agosto de 2010

Braga e Bremen fazem história na UCL

Dos jogos válidos pela eliminatória da Champions League poucos acreditavam que Sevilla e Braga seria o mais importante. Os portugueses conseguiram uma vaga histórica para a fase de grupos. Na Itália a briga entre italianos e alemães parecia definida até os momentos finais, quando o Bremen marcou gol salvador e conquistou a improvável vaga na prorrogação.

1517751_w2O gol de Matheus aos 62’ no estádio Municipal em Braga na quarta-feira passada deu ao time português a vantagem de poder empatar ou até perder por um gol de diferença na Espanha. Quando Jesús Navas marcou o gol de empate para o Sevilla aos 84’ parecia que teríamos um sufoco no Ramón Sánchez-Pizjuán. Ledo engano, após vencer durante quase toda a partida, o Braga desempatou no minuto seguinte com Lima, que já havia marcado o segundo dos portuguêses e voltaria a marcar aos 90’. De nada adiantou o gol de Luís Fabiano em falha de Felipe ex-Corinthians, porque os andaluzes já perdiam de 2 a 0 naquele instante. De nada adiantou também o gol de Kanouté, afinal a vaga já estava decidida em um jogaço de sete gols. Fim de jogo (Sevilla 3X4 Braga) e classificação inédita do Braga.

1517925_w2 A Sampdoria fez o que muitos torcedores duvidavam, conseguiu marcar três gols e acabar com a vantagem do Bremen até os 90+3, quando Rosenberg marcou e igualou o placar da partida de ida. No estádio Luigi Ferraris, em Gênova, Pazzini arrasador marcou logo aos 8’ e 13’. Era o que precisava a Samp. Dominado o Werder ainda levou o terceiro aos 85’ desta vez com Cassano. Com o gol do atacante sueco o jogo foi para a prorrogação e ai brilhou a estrela do peruano Pizarro. Com 10’ do tempo extra ele fez o gol da classificação alemã. A vitória teve um gosto especial, afinal o Calcio e a Bundesliga disputam uma vaga na UCL, que atualmente pertence aos italianos.

No mais, novo 2 a 2 entre Anderlecht e Partizan, desta vez em Bruxelas e vaga para os sérvios nas penalidades (4x3). Não será possível ver a jovem promessa belga Romelu Lukaku – que marcou o primeiro dos belgas e chegou a três no torneio – na fase de grupos. A não ser que ele seja contratado por algum outro clube, especulação do mercado. Os sérvios voltam à fase de grupos da UCL após quatro anos.

Direto da Moldávia, o FC Sheriff não conseguiu nem um pontinho diante do Basel da Suiça e vão assistir ao torneio de casa. Hoje Streller e duas vezes Frei decretaram os 3 a 0. Pela terceira vez o Basel participa da fase grupos da champions.

Em Tel-Aviv, o H. Tel-Aviv precisava apenas de um empate para passar de fase contra o Salzburg da Austria. O relógio marcava 90+2 e o Salzburg vencia por 1 a 0, quando Zahavi balançou as redes austríacas e confirmou a classificação da equipe de Israel.

Amanhã tem mais. Ao lado o placar do primeiro jogo.

Auxerre-FRA x Zenit-RUS (0x1)

Kopenhagen-DIN x Rosenborg-NOR (1x2)

MŠK Žilina-SVK x Sparta Praga-CZE (2x0)

Tottenham-ING x Young Boys-SUI (2x3)

Ajax-HOL x Dynamo Kiev-UCR (1x1)

Um comentário: