quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Renovação rossoneri

robinho_ibrahimovic_reu_95 Não é de agora que os torcedores e a imprensa criticam a falta de renovação no elenco milanista. Jogadores que apesar do talento já estão com a idade avançada e por muito tempo formavam a base titular. Agora o clube resolveu mudar e finalmente renovar. As contratações de Amelia, Yepes, Papastathopoulos, Boateng, Ibrahimovic e Robinho mudaram o patamar do clube, que passa a ser candidato ao troféu da série A, algo que não ocorre desde a temporada 2003/2004.

As saídas de Dida, Favalli e Borrielo colaboram para esta renovação. Dida já estava no clube há oito temporadas e Favalli (de 38 anos) há quatro. Já Borrielo que foi contratado pela Roma, fazia até bons jogos, mas a comparação com os contratados é injusta.

O goleiro Amelia chega ao clube após boa campanha pelo Genoa em 2009/10 e com a experiência de mais de 200 jogos na série A. Junto com ele do Genoa, veio o promissor Sokratis Papastathopoulos, de apenas 22 anos. A juventude do grego será combinada com a experiência de Yepes, colombiano que estava no Chievo. Com os reforços, o setor defensivo ganha força, já que a permanência de Thiago Silva e a presença de Nesta garantem segurança.

Segurança que o clube terá que ter se a aposta for o ataque. Os 24 milhões de euros gastos com Ibrahimovic e Robinho, mais os medalhões Ronaldinho Gaúcho, Pato e Inzaghi são para deixar qualquer clube ofensivo. Vai sobrar para Gatuso, Flamini, Pirlo, Ambrosini, Boateng e Seedorf a tarefa de marcar por eles e também municiar esse poderoso ataque.milanello

Famoso por seu estilo ofensivo, o novo treinador Massimiliano Allegri tem melhores opções que seu antecessor, o brasileiro Leonardo. Apesar da recomendação de jogar com dois atacantes, é bem provável e possível a presença de três atacantes. Ibrahimovic, Pato e Robinho, com Ronaldinho e Seedorf na armação. A escalação poderia ser: Amelia, Papastathopoulos, Nesta, Thiago Silva, Antonini; Gatuso, Pirlo e Ronaldinho; Ibrahimovic, Pato e Robinho. Caso Allegri queira que a equipe não se exponha tanto, basta tirar um dos atacantes e colocar Seedorf ou Flamini, além de Ambrosini.

Pode ser um novo trio da era Berlusconi, que começou com Gullit-Van Basten-Virdis em 1988, passou por Savicevic-Weah-R.Baggio em 1995 e Inzagui-Shevchenko-Rui Costa em 2001. Resta saber quem vai ficar de fora, Ronaldinho? Robinho? Ibra? Pato? ou Inzagui?

O problema é bom de resolver, um elenco mais jovem e com jogadores que chegam para calar os críticos, como Ibra e Robinho, ambos com incrível capacidade técnica, mas que não renderam o esperado em seus clubes, Barcelona e Manchester City.

2 comentários:

  1. Acho que o Ibrahimovic foi um ótimo reforço para o Milan. Entretanto, o Robinho é mascarado, afundou o Real Madrid e Manchester City. Não vejo ele como um jogador diferenciado... Vamos acompanhar!
    Abs

    ResponderExcluir
  2. Os reforços de ataque e o Amélia são pertinentes. Mas o yepes é uma zagueiro em idade avançada, assim como já havia o Nesta, que apesar de ótimo zagueiro, sofre com contusões há algum tempo. Mas é inegável que o clube está mudando de filosofia.

    ResponderExcluir